Entrevista a Carlos Costa [B-Training]: “Este é o momento para as empresas terem a sua plataforma de E-Learning.”

A formação, para além de ser uma obrigatoriedade legal (ver artigo “Trabalhadores passam a ter 40 horas de formação anual”), constitui uma oportunidade de desenvolvimento das empresas e das pessoas, quer ao nível técnico, mas também comportamental. A revolução industrial 4.0 veio trazer novos desafios às empresas, amplificados com a atual pandemia. Este foi o mote para a conversa com Carlos Costa, Partner da B-Training Consulting, empresa especializada em formação.

TOP%PME: Como enquadra a formação neste novo ambiente empresarial decorrente da revolução industrial 4.0 ?

Carlos Costa: A revolução industrial 4.0, tem vindo a proporcionar às empresas uma maior automação dos seus processos. A transformação digital é um dos reflexos desta revolução em curso e tem-se revelado uma inevitabilidade para as empresas que desejam manter a sua competitividade num mercado cada vez mais dinâmico e disruptivo. 

Em termos da formação profissional, a instalação de uma plataforma de e-learning (LMSLearning Management System) tem sido uma das componentes deste processo de digitalização, a qual tem permitido às empresas a otimização das suas práticas de formação ao nível dos seus clientes externos e internos. Ao entrarem na realidade da FaD (Formação a Distância), um novo leque de possibilidades se abre em direção ao futuro.

TOP%PME: Quais as vantagens do e-learning?

Carlos Costa: Internamente, permite uma maior partilha remota de conhecimento e recursos, facilita os processos de comunicação internos das equipas e responde às necessidades de digitalização documental da formação, tornando as organizações mais eficientes e eficazes no seu processo de gestão da formação.

Caso se trate de uma entidade que forneça serviços de formação a clientes externos, o e-learning permite mais uma opção de oferta de cursos, ultrapassando-se assim a barreira da modalidade presencial.

TOP%PME: Para as empresas que queiram adotar uma plataforma de e-leaning própria, quais os principais conselhos que deixaria?

Carlos Costa:

É recomendável que as empresas consultem uma entidade especializada antes de avançarem para a implementação da sua plataforma de e-learning, tendo em conta as suas necessidades específicas, procurando garantir que a sua parametrização e customização técnico-pedagógica seja corretamente efetuada tornando útil e prática a utilização futura da plataforma por parte dos seus colaboradores e clientes.

Torna-se igualmente importante que a instalação da plataforma de e-learning cumpra os requisitos da DGERT (entidade reguladora da formação em Portugal) e das normas do RGPD, de modo a que sejam garantidos os procedimentos e padrões de qualidade e integridade que se pretendem para o futuro da formação a distância.  Não menos importante é o facto dos formadores da entidade que dinamiza formação terem uma formação adequada tendo em vista o planeamento, dinamização e avaliação do processo formativo a distância, garantindo que a dinamização dos cursos seja bem sucedida, e que sejam alcançados os resultados pretendidos ao nível do desenvolvimento das competências dos seus colaboradores e/ou clientes.

TOP%PME: Quais considera serem os pontos fortes da B-Training Consulting para a implementação de plataformas de e-learning?

Carlos Costa: A B-Training Consulting dispõe de uma equipa multidisciplinar de consultores pronta para ajudar qualquer entidade neste processo. Aliando a componente técnica com a pedagógica, garante aos seus clientes a correta customização e parametrização técnico-pedagógica de uma plataforma de e-learning, que não tem qualquer limite de cursos nem de formandos, assim como não envolve quaisquer encargos mensais. No final de todos os processos de implementação a B-Training, Consulting tem disponível a formação adequada de forma a promover a total autonomia futura dos seus clientes na gestão e administração futura da sua plataforma de e-learning, com a possibilidade de formar os futuros e-formadores internos da entidade, ficando estes devidamente habilitados e capacitados a intervir em qualquer projeto de Formação a Distância.

PS: A B-Training Consulting está presente no diretório de empresas TOP%PME (saiba mais).


Departamento de comunicação